Amar e Tocar Quem Já Partiu

Amar e Tocar Quem Já Partiu

Quando alguém que nos é querido morre, sentimos que um espaço dentro de nós fica desocupado. Invade-nos o vazio, a tristeza, a mágoa, a revolta e a raiva mas também uma capacidade inata de amar o que passou a ser invisível. O espaço que alguém ocupa em nós jamais...
Até Um Dia…

Até Um Dia…

Tudo tem um fim. Projetos que começámos, projetos que nem começámos, uma relação, uma chávena de café, um passeio, um livro, uma vida. Iniciamos uma coisa, mas esta termina assim que chega a sua hora. Nada é eterno e tudo aquilo que não partilha desta temporariedade...
Desisto…

Desisto…

Há um dia em que chegas ao finito das tuas forças e só pedes uma coisa: deixar de sentir. Deixar de sentir o negro no peito Deixar de sentir o cansaço que te prende à cama Deixar de sentir o corpo inerte que desfalece segundo a segundo Deixar de sentir o vai e vem da...